Obrigado por polinizar com a gente, só um instante.

Menu

O Polen

Sobre

Acreditamos que a construção do mundo mais fraterno passa por uma atitude: não machucarmos as pessoas. 

Podemos machucar alguém de muitas formas, a gente sabe disso. Mas aqui, falamos em machucar como sinônimo de negligenciar direitos, violando o bem-estar das pessoas. Está machucado o adulto que não sabe ler e escrever. Está machucada a língua indígena que morre um pouco cada dia, porque as crianças já nem sabem mais como falar... E machucado está o índio que vê seu idioma materno morrer e levar consigo a parte mais importante da sua cultura que é sua identidade e que, no fim, é parte indissolúvel do Brasil que formamos.

O Instituto de Pesquisa da Diversidade Intercultural atua para possibilitar a comunidades tradicionais e historicamente negligenciadas, o acesso a novas tecnologias, conhecimentos e práticas sustentáveis - para, assim, cuidar dos machucados causados pela violação de direitos que impedem o bem-estar das pessoas.

O Ipedi surgiu em 2012, por meio da convergência de ideais de profissionais ligados, inicialmente, à Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Fazem parte da gênese do instituto a linguista Andréa Marques Rosa, o pesquisador indígena Aronaldo Júlio, a historiadora Cíntia Nardo Marques Gonzales, a mestre e doutora em educação Claudete Cameshi de Souza, a professora doutora em linguística Denise Silva e a historiadora Paula Renata Cameschi de Souza. 

No começo, o objetivo era organizar as iniciativas levadas a cabo pela UFMS junto às comunidades indígenas de Mato Grosso do Sul. “A ideia era dar uma devolutiva à comunidade dos trabalhos acadêmicos realizados junto às aldeias indígenas”, explica a linguista Denise Silva, atual presidente do Ipedi. 

Surgiu assim o Projeto de Formação Continuada para o Ensino da Arte e Cultura Terena. Foi a primeira ação do Ipedi, financiada pela Brazil Foundation e pela UFMS. A iniciativa consistiu num curso de formação continuada que beneficiou 35 professores indígenas e que teve como resultado a distribuição, em abril de 2015, de mil exemplares de um livro didático, o Kalivono, para educação infantil indígena. A publicação foi inteiramente produzida pelos professores indígenas capacitados pela formação continuada – um formato pioneiro no Brasil. 

-

IPEDI
IPEDI

Nossos números

São as pessoas que compram em lojas virtuais e com isso ainda ajudam ONGs.
Polinizadores nos ajudando

Polinizadores nos ajudando o que é?

0

Recebemos doações dos polinizadores
Recebemos doações dos polinizadores

Já recebemos o que é?

R$0,00

Nossa equipe

Foto da equipe da ONG IPEDI
Foto da equipe IPEDI
Equipe IPEDI

-

Adicione ao seu Chrome

Com o nosso raio polinizador, toda vez que você entra em uma loja, nós te lembramos de ajudar sem gastar nada.

Carregando

Adicione ao seu Chrome

Com o nosso raio polinizador, toda vez que você entra em uma loja, nós te lembramos de ajudar sem gastar nada :)

Segurança e privacidade

Não se preocupe, nós não temos acesso aos dados de sua compra ou cartão de crédito

A opção para adicionar não apareceu?

Adicione diretamente via chrome store a partir do link abaixo:
https://chrome.google.com/webstore/detail/o-polen/ldphipnakpbnmadnhflphjmhkoliflkk

Adicione ao seu Firefox

Com o nosso raio polinizador, toda vez que você entra em uma loja, nós te lembramos de ajudar sem gastar nada :)

Instalado? Vamos começar?

Próximo Passo!    Voltar para o site.

Segurança e privacidade

Não se preocupe, nós não temos acesso aos dados de sua compra ou cartão de crédito

Adicione ao seu Safari

Com o nosso raio polinizador, toda vez que você entra em uma loja, nós te lembramos de ajudar sem gastar nada :)

Instalado? Vamos começar?

Próximo Passo!    Voltar para o site.

Segurança e privacidade

Não se preocupe, nós não temos acesso aos dados de sua compra ou cartão de crédito